sábado, 3 de outubro de 2009

.lua adversa

[já que ela brilha lindona lá fora...]

"Tenho fases, como a lua.
Fases de andar escondida,
fases de vir para a rua...
Perdição da minha vida!
Perdição da vida minha!
Tenho fases de ser tua,
tenho outras de ser sozinha.

Fases que vão e vêm,
no secreto calendário
que um astrólogo arbitrário
inventou para meu uso.

E roda a melancolia
seu interminável fuso!

Não me encontro com ninguém
(tenho fases, como a lua...)
No dia de alguém ser meu
não é dia de eu ser sua...
E, quando chega esse dia,
o outro desapareceu..."

.cecília meireles
.


[pensando alto 1: tava faltando poesia por aqui. às vezes sou séria demais.
pensando alto 2: sol, feira do livro, um discreto cansaço... e uma conclusão: vão faltar pétalas para os livros que quero. e tempo também.]

8 comentários:

Bela disse...

Nada mais feminino, rsrs.
Como nos falta tempo quando estamos fazendo o que gostamos não é? A vida é mesmo urgente.
Bjinhos ;) e uma ótima semana.

P.S.: poesia nunca é demais.

Prity disse...

é bom ser de lua. Assim pelo menos não corremos o risco de sermos previsíveis.
Um beijo !

Michele disse...

Oi Ana
Adorei seu blog.
E adorei esse poema da Cecília, ela é tudo de bom né?!
Tornei-me seguidora..
Quando possível, dê uma passadinha lá no meu blog.
Um bj e um ótimo domingo.

Prity disse...

Ai Aninha, parar de fumar é uma grandessísima luta.Nem imaginava. Mas vamos adiante! Saudades de voltar aqui também! UM beijão!

theroofcat disse...

Somos todos de lua mesmo... by the way a lua estava muito linda a noite passad aqui em Londres....
Foi bom revisitar Cecilia Meireles.

Michele disse...

Oie...
Tem uma brincadeira para você lá no blog.
Um bj e um ótimo domingo.

Bela disse...

Fique a vontade para voltar sempre que quiser, sabes que és sempre bem vinda (agora já não sei mais se é com ou sem hífen, rsrs).
Bem, eu não sei vc, mas eu estou sempre perguntando pro meu computador: "eu te conheço?".
Bjinhos e boa semana ;)

Nanda disse...

temos sempre fases. e a lua como nós, tem as suas.