quarta-feira, 17 de setembro de 2008

.20 de setembro

[ou: o incidente]


aqui no RS estamos em plena semana farroupilha. todo mundo orgulhoso do estado, da sua história [...], as crianças indo "pilchadas" pra escola, cantando o hino todo santo dia, aquela coisa que se repete ano após ano.
nós somos educados assim.
desde pequenos, aprendemos a ter orgulho de sermos gaúchos, e agora exercitamos todo nosso bairrismo. mas eu ainda me questiono muito sobre isso.

"todos de lenços vermelhos no pescoço!"

poxa... pensando a fundo, eu não me orgulho por guerra nenhuma. não me orgulho pelas cabeças que rolaram por aqui, pelo sangue derramado de tanta gente. mesmo que tenha sido "por uma justa e nobre causa".
me orgulho sim de ser gaúcha, mas pelas coisas boas. pelos lugares lindos do estado - excetuando o litoral, lógico, que é uma vergonha! hehehe - pelo povo trabalhador, pelas cidades que crescem sem parar, pela qualidade de vida que temos aqui, por ter estudado e me formado numa das melhores universidades do país - a ufrgs. disso sim eu posso dizer que tenho orgulho. agora, dos farrapos e de todas atrocidades que foram cometidas aqui, nem pensar.
ando cansada de violência, de tristezas e coisas ruins. não me acrescentam nada.

ontem mesmo percebi isso.

cheguei de viagem, doida pra voltar à minha leitura: Incidente em Antares, do erico verissimo. adoro os livros dele, descobri que tenho vários aqui em casa, mas esse não está me "descendo". acho que escolhi mal. é muito violento.
trata-se de uma guerra também: a disputa pela cidade de antares por duas famílias - vacarianos e campolargos. as cenas de torturas de guerra que são descritas lá me tiraram o sono. isso que ontem eu cheguei "podre de cansada" da viagem.
e foi rolando na cama, acompanhada da porcaria da insônia, que fiquei pensando nisso.

tive que recorrer a um gibi do cebolinha pra descansar a cabeça... não tem nada melhor pra se ler antes de dormir - a turma da mônica sempre me salva.
[ainda conservo alguns hábitos de criança...]

mas tudo bem...
vou deixar o livro de lado e pegar algum mais água com açúcar. acho que é disso que preciso.
.
.

"foi o vinte de setembro o precursor da liberdade" - é, pois é...
.
.

5 comentários:

Gui disse...

Se há uma coisa que eu admiro muito nos gaúchos é o amor que vcs tem pela terra de vcs e tal...embora concorde também que é meio "frio" se orgulhar por algo que levou tanta gente à morte...mas enfim.

beijos!

Vento disse...

bora comemorar o 20 de setembro hehehe

.ana disse...

weeeeee
hahahahahahah
é comemorar que chama agora??
=P

Vento disse...

claro.. um ano de D.R. e chutes não é prá qualquer um...

.ana disse...

heheh
nada além do necessário...
=D