terça-feira, 20 de janeiro de 2009

.o que vence

[andei lendo em algum lugar esses dias... e gostei.]

Uma noite, um velho índio cherokee contou ao seu neto sobre uma batalha que acontece dentro das pessoas. Ele disse:
- "Meu filho, a batalha é entre dois lobos dentro de todos nós. Um é mau: é a raiva, a inveja, o ciúme, a tristeza, o desgosto, a cobiça, a arrogância, a pena de si mesmo, a culpa, o ressentimento, a inferioridade, as mentiras, o orgulho falso, a superioridade e o ego."
"O outro é bom: é a alegria, a paz, a esperança, a serenidade, a humildade, a bondade, a benevolência, a empatia, a generosidade, a verdade, a compaixão e a ."

O neto pensou naquilo por alguns minutos e perguntou ao seu avô :

- "Qual o lobo que vence?"

O velho cherokee simplesmente respondeu:

- "O que você alimenta."

.

10 comentários:

GueGue disse...

Tento alimentar sempre o lobo bom, nem sempre ele ganha, seria ridículo eu dizer que o lobo bom toma conta de mim, mas infelizmente devemos admitir, as vezes a cobiça, a vontade de ter mais e mais as vezes cega a gente, mas temos que reconhecer que o bom é o que deve "vencer". Sempre tentando! Sou gaúcha e não desisto! hehe

Beijão Ana.
Muito bom o post, não sei se me cmnetário chegou aos pés dele, mas o que vale é a intenção..
beijos

Erick Júlian de Medeiros Feitoza disse...

:| q foda...
tirou as palavras >.<

Sophie disse...

Que lindo!
Adorei mesmo ;D
=*

Thaís Motta disse...

Tirou as palavras [2]

Muito bom mesmo :)

faz todo sentido !

Momentos...volupté! disse...

Nada mais verdadeiro...
Digo que todos nós temos o poder maior de sermos e termos tudo aquilo que desejamos, basta mentalizar!!!

Homero luz disse...

Legal, mas acho que nunca um lobo vence um pode ser mais forte que outro mas nunca um extermina o outro.

.moony. disse...

nossa, muito bom isso o.O
hora de deixar um lobo morrer de fome xD~
bju
teh +
o/*
.moony.

Christiano disse...

Bah... Sensacional...
Muito boa a analogia mesmo...
''O que você alimenta''
espero que eu esteja alimentando o 'lobo' bom... pelo menos é o que sempre tento como príncipio...

Mário Sioli disse...

Gosto desse tipos de textos.
É bacana poder acompanhar sempre seu blog, parabéns por tudo aqui.
Beijos

Patricia disse...

Que legal isso.. é verdade, que nem o Ying e o Yang, o bem e o mal, adoro a dualidade das coisas...

:)