terça-feira, 4 de agosto de 2009

.coragem, eu sei que você pode mais

.e a palavra de hoje é: coragem.


[o título veio de uma música do raul, que acabei lembrando por conexão de assuntos. enfim...]
.
.
*coragem: s.f.,
firmeza de espírito,
energia diante do perigo;
intrepidez;
ânimo;
valentia;
perseverança.
.
.
.andei pensando sobre, quando li esse trecho do livro "o senhor march"- aquele que andei ganhando através do blog:
.
"Será que existem duas palavras mais intimamente relacionadas que coragem e covardia? Penso que não existe um homem que não queira possuir a primeira, mas tema ser acusado da segunda. Enquanto uma é considerada o apogeu do caráter de um indivíduo, a outra pode ser vista como o seu nadir. E, no entanto, a meu ver, as duas ocupam posições paralelas no círculo da vida, afastadas uma da outra pelo mero grau de um arco.
Quem é o homem bravo? Aquele que nunca sente medo? Neste caso, a bravura é apenas um termo polido para uma mente destituída de racionalidade e imaginação. O homem bravo, o verdadeiro herói, treme de terror, sua, sente as próprias entranhas se contraírem, no entanto mesmo assim segue o caminho e não foge do dever a cumprir. Não creio, porém, que seja heroico marchar para os campos de fogo cruzado movido apenas pela preocupação de ser chamado de covarde. Às vezes a verdadeira coragem exige a inação; exige que um indivíduo fique em casa enquanto a guerra é travada se, com essa atitude, estiver dando ouvidos à plácida voz da honorável consciência."
.
[geraldine brooks - o senhor mach, página 185.]
.
.

[e como às vezes nos falta coragem, não? coragem para admitir o que sentimos; coragem para dizer um "sim", ou um "não"; coragem para admitir que somos seres humanos, e justamente por isso erramos às vezes; coragem para mudar algo que nos incomoda; coragem para impôr nossos direitos; coragem para dar a cara a tapa; coragem para falar, ou simplesmente ficar em silêncio... são tantas as circunstâncias. por vezes somos controlados por nossos medos e receios, e agimos de forma absolutamente covarde com as pessoas... e conosco mesmos. - redundante assim, mas é isso.]

16 comentários:

exoticlic.com disse...

corajoso e covarde todo mundo é, em alguma situação

.duas doses de desdém disse...

Eu me odeio por às vezes ser tão covarde...no fim das contas acho tb que todo mundo é...

Saudade, lindona!!!!

Ferrockxia disse...

é acho que nossos blogs são conhecidos mas nós estavamos esquecidas, te linkei!

Única e Exclusiva disse...

Existe uma linha tênue mas, somos sim!!

Como uma futura administradora estou a analisar situações para tomar coragem e seguir o que almejo, será covardia antecipar/planejar para buscar algo?! ¬¬'

Bjinhosss ú&e ;***

Bela disse...

Raul é um sábio, sempre cito ou penso nele em algum momento.
O covarde que assume seu medo não é corajoso? O corajoso que não assume seu medo não é covarde?
E Tostines vende mais por que é fresquinho ou é fresquinho por que vende mais? Rsrsrs.
(ok, a brincadeira foi boba, mas eu não resisti).
Bjinhos ;)

Laaaady xD disse...

olá!!

quero primeiramente agradecer sua visita! E claro, voltei para conferir as novidades por aqui...

Coragem.. covardia.. palavrinhas fortes essas! e caminham lado a lado, mesmo que sejam inversas! ;P

ah, eu não acredito que vc foi chocólatra e se curou O.o' precisa me ensinar isso! HAHAHAH confesso que eu não consigo ;x não tenho CORAGEM de largar o chocolate! HAHHAAH

enfim, obrigada por seguir meu blog ;)
te espero por lah, sempre que quiser e puder!

beijos ;* até mais

Dri Viaro disse...

eu acho que na maneira que vamos tendo mais idade, e aprendemos com muitas coisas, a coragem começa a aparecer mais e mais, sei lá acho que vamos nos fortalecendo dia a dia, acho que é isso. pelo menos comigo é assim.
bjsssss

Larissa. disse...

É verdade. nos falta coragem pra seguir em frente, pra se reerguer, pra dar pontos finais. É a covardia aparecendo... e o que fazer?

Amei o post!
Tem um meme sua cara lá no Sophie, pra ti^^


bjos
;*

Prity disse...

Acho que sou corajosa ao dizer sempre o que penso sobre tudo, ao defender os amigos, ao ficar ao lado das pessoas quando mais precisam de mim.
Mas acho que sou covarde quando as coisas acontecem comigo. Quando tudo para minha felicidade dependa de mim mesma.
Um beijo!

trOiAnA22 disse...

Ana...
Hoje você me deu o melhor presente pro amanha: uma dose de coragem...
Como pode-se saber do que o outro precisa? Por que é aquilo que, também, precisamos?
Covardia... minha companhia.

Bjos tantos... que voem pelo ar (fujam da contaminação) e encontrem seu coração.

Mi

The Heart of Lilith disse...

E esse teu post tem a ver com o meu de hj!
Dá uma olhada!
Cansada sabe, de tudo!
De tudo mesmo!

Mundo podre!

E quanto mais olho pra ele, mais quero olhar p dentro, criar coragem pra ficar apenas comigo mesma, e sobreviver do que posso confiar plenamente: EU!


TE AMO!

Silvia disse...

Adorei Ana!
Bjo!

Simão Pedro disse...

É verddae que nem sempre temos coragem de dizer o que pensamos, o que sentimos, o que queremos.. e se o deixamos de fazer, nem sempre é por falta de coragem.. talvez valha a pena ou não.. afinal de contas, acredito que tudo tem um tempo.. tempo de falar e tempo de ficar em silêncio e às vezes até para estar em silêncio é preciso coragem.. comp,licado, não é Ana?

Mariane disse...

Oi Ana... vc já leu o Código de Inteligência, nossa quero muito ler, mas me disseram que é muito técnico, mas é minha área! Adorei o que você citou sobre o depoimento do Augusto Cury a respeito dos livros de autoajuda! Mas respeito todos os gostos;)

Vi que vc postou sobre o Senhor March, ótimo livro, escrita surpreendente!!!

Boa noite..bjs

Ivi Derzi disse...

E como falta coragem...Às vezes até de sair da cama, hehe!
Mas temos que ter coragem de nos assumir, essa é a parte mais dificil, assumir nossos desejos, nossos medos, até a nossa falta de coragem!

Adorei o post :)

GueGue disse...

Ai aninha, é bem por ai.
Mas acho que ando um pouco mais corajosa.
Sabe, fico guardando dentro de mim um monte de coisas ruins, mas ao mesmo tempo se falo, posso ser covarde por dizer aquilo que ta entalado sabe.
Complicado. Essas duas coisas, covardia e coragem andam de mãos dadas sempre.

Beijão!