sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

.aos pedaços

[e são esses pedacinhos, unidos meio tortos, meio mal colados, meio às avessas - por vezes - que fazem a gente ser o que é: um inteiro, retalhado.]



.créditos da imagem: frases ilustradas

.


.pra ouvir hoje: muse [amo!]. isso vicia...

17 comentários:

Bela disse...

E também gosto muito dos pedacinhos que deixam em mim.
Bjinhos ;)

thais motta ~ disse...

Um inteiro retalhado , não conheço descrição melhor .

Adorei .
Um beijo .

Sol Brito disse...

Se é que chegamos a ser inteiros...acredito que não.
Os retalhos estão tão fragmentados em nós que nunca forma um todo!!!!

Mil beijos!!!

guegue disse...

ai aninha, quero sim te ver tb!
ia ser bem legal marcar uma festinha!!

Beijao!

(qualquer dia tomamos um café na uni, hein! hahah) Tenho aula todas as terças à noite! la no 6h.

beijos

Prity disse...

Amei seu comentário sobre a Madonna lá no blog, hilário!
Sabe, estou me sentindo assim como a frase da Martha, ultimamente. Uma saudade torturante do meu passado e do meu futuro.

Beijos.

... disse...

adorei isso é tão verdadeiro. sempre deixamos pedaços, retalhos, por onde passamos.
uma pequena frase que diz muitas coisas
adoro seu blog! :)
beijos!

Daniel disse...

A cada dia morremos um pouco.
Mas é isso que nos torna quem somos. A cada retalho uma experiência que nos transforma. Que nos faz se adaptar.
Beijo

Liz / Falando de tudo! disse...

salut!
estou de férias em casa, por isso resolvi vim visitar os blogs que eu gosto, pra dizer: tô viva!
beijos

Mariane disse...

Estou chegando próximo não a uma despedida, mas vendo meus amigos seguirem um caminho maravilhoso, embora não esteja ao lado deles fisicamente todos os dias... tenho certeza que eles estão levando os pedaços de mim que conquistaram, assim a saudade será constante, mas saudade feliz de ter vivido lindos momentos...

™Deka disse...

Realmente, lembro de cada pedaço meu que deixei por aí! Mas nenhum me faz falta, me enchem de alegria!

O Profeta disse...

Apetece-me pintar a musica
Que me afaga a alma, desperta os sentidos
Apetece-me pintar-te o sorriso
Unir-te aos meus anseios antigos

Uma tela, universo ávido de um deus
Será o pintor o criador da cor do dia?
Um salteador das sombras da noite?
Ou apenas um semeador da nostalgia

Boa semana


Doce beijo

Ferrockxia disse...

eu me sinto um ser humano em pedaços, como um vidro que caiu no chão e não se cola mais

Renata de Aragão Lopes disse...

Gosto disso:
de me perceber
a união de incontáveis
caquinhos... : )

Beijo,
doce de lira

Ma.chine disse...

Coisa mais linda ese blog...

*-*

Beijo

.ana disse...

ounn^^
obrigada.
[feito sempre com sinceridade...]

Flavih Jones disse...

Adoro Martha Medeiros. =D

Tem selo pra vc.
=D

Sílvia disse...

Muse, minha banda favorita :)