sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

.das palavras ditas [e não ditas]


[aí está uma coisa que me incomoda: há ocasiões em que, se não tem plena convicção do que vai dizer, é melhor calar. as palavras tem muito poder...]


.


.não consegui parar de ouvir muse a semana inteira:

11 comentários:

Daniel disse...

AS palavras tem muito poder principalmente para destruir, desagregar, coisas desse gênero... melhor cala-se então? Sim e não... tenha sua opinião, mas não tenha medo de mudar, de arrepender-se, voltar atrás e recomeçar novamente...
Beijo

Ma.chine disse...

Muito poder!

rsrs amei a tirinha *-*

Beijo

GISELE disse...

Eu, por exemplo, nesse momento não estou muito certa do que devo dizer, portanto, calarei e deixarei beijos a você.

Bom fim de semana!

Mi

Léo Santos disse...

É realmente necessário o cuidado com as palávras, tem gente falando bobagem por aí! Mas, também tem muita gente que sabe o que fala, como por exemplo esses espertos que estão aí na coluna à direita do teu blog! Quanta sabedoria!

Muse? É o retorno daquele som sintético dos anos 80! Superbacana!

Um abraço!

Marcia Leticia . disse...

amei o seu blog, já estou seguindo *-*

™Deka disse...

E como tem poder mesmo!
Bom findi!

Sol Brito disse...

Concordo.É melhor termos sempre palavras doces e agradáveis na boca pois um dia podemos precisar engolí-las!!!

Um beijo e ótima semana!!!

Erick Sam disse...

sempre existe a hora do silencio ne kkkkkkkk.............td mundo quer ser um snoopy alguma vez na vida!

http://mysolitudewords.blogspot.com/

Bela disse...

Hora de calar, hora de falar, ó senhor, dai-nos sabedoria!
Bjinhos ;)

Non je ne regrette rien: Ediney Santana disse...

O ódio pode ser sintomas de muitas coisas, amores se matam, se enforcam, se mutilam...enquanto ao nosso lado passa um anjo lindo e nem ligamos

Por que você faz poema? disse...

Minha avó costumava dizer que a palavra é de prata, mas o silêncio é de ouro - só recentemente entendi.