domingo, 1 de março de 2009

.do desejo


"E por que haverias de querer minha alma
Na tua cama?
Disse palavras líquidas, deleitosas, ásperas
Obscenas, porque era assim que gostávamos.
Mas não menti gozo prazer lascívia
Nem omiti que a alma está além, buscando
Aquele outro. E te repito: por que haverias
De querer minha alma na tua cama?
Jubila-te da memória de coitos e de acertos.
Ou tenta-me de novo. Obriga-me."
.
.hilda hilst
.
.
*nota mental: preciso comprar algum livro dessa mulher. andei lendo várias coisas interessantes dela por aí...

6 comentários:

Priscila Bilhalva disse...

Sim, os homens são sempre assim, não se importam de ter corpos, mas jamais sendo eles os corpos. Eles, (pensam) ser sempre almas no coração de uma mulher.Presunçosos, esses homens...

Priscila Bilhalva disse...

Aninha blogueira-amiga, acertaste apenas uma!
São mentiras deslavadas sobre mim, as seguintes:


1 - Tive uma melhor amiga na infância. ( Na verdade eu tive um melhor amigo) Coisa engraçada essa vida, passei uma infância felicíssima ao lado de um amigo que conheci aos 05 anos! Fomos amigos durante toda minha infância e ele era o mellhor de todos! Até hoje.
2- Morei na mesma casa a vida inteira. Mentira. Já nem sei dizer quantas casas eu morei, mas foram muitas!
3- Nunca uso maquiagem. Essa era fácil, até as meninas mais doces sweet, usam ao menos um rímel, mas querida eu uso quilos! Hahahha. Maquiagem é tudo na era do botox.

Quanto as verdades que tu escolheste como mentiras:

4- Sim, estudei em 7 escolas, mas com a vida meio nômade da minha mãe , que é comerciante, isso era fichinha.
7- Sim, escuto Shakira hahahaha. Mas só o primeiro cd, o mais nostálgico de todos.

Amei esse meme!
bjokas fofura!

gabi disse...

Gostei tambem.
Preciso baixar algum livro dessa mulher!
ehhe

GueGue disse...

Que poema mais sensual!! hahaha
__________________
Tento aproveitar sempre todos os momentos, e por incrível que pareça, consigo aprender bastante com os maus e bons!


Beijoss

.duas doses de desdém disse...

Hum!!! Gostei *_*

beijo!!

Josh Ágora disse...

Sabe, adoro esta "siceridade covarde-corajosa" que os poetas usam pra dizer as coisas. A necessidade de dizer diante da "impossibilidade" "ética" e "moral". A impossibilidade que o "bom-comportamento" cria, e que é ultrajado pela ousadia dos poetas.

Nem direi nada sobre sensibilidade, está mais clara que luz bíblica...

Grande Abraço!

Josh...

PS: Se não conheces Alice Walker, corra e vá conhecê-la, você se encantará, realmente acredito nisso.